Praxis Ensino Fundamental de Ensino - Análise de Música

Praxis Ensino Fundamental de Ensino - Análise de Música - dummies

Algumas perguntas sobre o teste Praxis Elementary Education testarão sua compreensão de como ajudar os alunos a desenvolver sua compreensão de diferentes elementos da música.

Por exemplo, como uma textura de trabalho de música contribui para a emoção que desperta nos ouvintes? Quais os elementos que compõem um trabalho de textura de música? Reflectir e analisar essas questões ajuda os alunos a fazerem julgamentos estéticos informados sobre a música e como ela funciona em uma determinada seção de uma determinada sociedade. Tais processos também ajudam os alunos a criar e avaliar sua própria música.

A consciência dos direitos de propriedade musical é extremamente importante no mundo de hoje, quando a mídia eletrônica permite tanto acesso e replicação. Embora os alunos do ensino fundamental não precisem conhecer terminologia jurídica específica, eles precisam saber o que é certo eo que está errado quando se trata de "empréstimos". "Como nas artes visuais, ter alunos compor a própria música, mesmo que seja apenas a letra, ajuda-os a compreender a importância de respeitar e proteger a criatividade dos outros.

Pergunta prática

  1. Um professor de quarta série quer que os alunos apreciem o papel de um membro do coro participante que não canta a melodia. Qual exemplo funcionaria melhor para a lição?
    A. um jogador em uma equipe de basquete cujo papel é passar a bola
    B. um jogador em uma equipe de futebol que marca mais gol
    C. um jogador em uma equipe de beisebol que fica no banco, esperando por uma curva
    D. um jogador em uma equipe de vôlei que freqüentemente ajuda o treinador a ajudar os alunos com a sua forma

Resposta e explicação

  1. A resposta correta é Escolha (A).
    O jogador não é tão perceptível como um atirador ou marcador, mas é parte integrante do conjunto, como é um membro do coro que canta harmonia, que geralmente é mais suave que a melodia. A escolha (B) é errada porque o jogador é o mais notável, em contraste com alguém que faz não canção de melodia. A escolha (C) não é o melhor exemplo porque o jogador, enquanto parte importante da equipe, não está em uma situação paralela ao membro do coro participante, que está envolvido com os outros alunos (cantando). A escolha (D) não é o melhor exemplo porque o jogador, enquanto parte importante da equipe, não está em uma situação paralela ao membro do coro participante, que está envolvido com os outros alunos (cantando).