Dez dicas de segurança digital para pais

Dez dicas de segurança digital para pais - manequins

É importante estabelecer regras claras para todos os aspectos da segurança da sua família em relação à sua vida acelerada e conectada. É hora de dar um passo atrás e promover a segurança digital dentro de sua família sem ter que revisitar cada passo da política detalhada de sua família. Neste mundo sobre-conectado, você quer encontrar maneiras de aproveitar a companhia de seus entes queridos sem cabos de energia, telas e Wi-Fi.

Preste sempre atenção ao uso digital

Preste muita atenção para onde seus filhos estão conectados, o que eles estão fazendo on-line e quais mídia eles estão sendo expostos é fundamental não só para impor suas políticas, mas também estar atento às mudanças. Continue a prestar atenção às mudanças na tecnologia usada em sua casa, como atualizações de políticas de privacidade e atualizações de download automático para sistemas de jogos.

Além disso, observe as pistas de seus filhos que possam indicar áreas de preocupação, como exposição potencial a um predador on-line ou assédio de um ciberbully. Ao estar ciente das mudanças no comportamento do seu filho e nos hábitos digitais, você pode perceber que um problema precisa ser discutido.

Seja um bom modelo digital

Os adultos também vivem neste mundo incrivelmente conectado. As crianças são observadores interessantes do mundo ao seu redor e muitas vezes são as primeiras a perceber quando os pais parecem estar conectados a um smartphone ou laptop. Crianças que são amigos com seus pais no Facebook também têm a oportunidade de observar como seus pais interagem com amigos, compartilham informações e discutem temas pessoais.

Defina um bom exemplo para seus filhos, sendo um bom modelo digital você mesmo. Gostaria de limpar o seu idioma de mídia social? Você está tentando reduzir as queixas sobre o trabalho em atualizações de status? Você pode até mesmo querer incluir notas na sua Política de família digital abordando as melhores práticas digitais que você também irá seguir.

Concentre-se na segurança

Embora muitas questões de etiqueta digital digam respeito aos pais, as preocupações de segurança certamente têm precedentes sobre questões como o tempo de jogo, publicando fotos bobas nas mídias sociais ou comprando um download sem permissão.

Ao criar diretrizes para sua família digital, mantenha sempre a segurança na vanguarda da sua tomada de decisão. Alguns exemplos incluem a partilha de informações de identificação ou concordar em encontrar um amigo on-line na vida real. Permitir que preocupações de segurança para informar todas as decisões o ajude a definir diretrizes que protejam seus filhos em muitas outras áreas.

Informação pública versus informação digital privada

Concentre-se em público versus privado ao discutir as melhores práticas para orientar seus filhos ao compartilhar informações on-line.As crianças devem considerar constantemente o que é apropriado compartilhar publicamente ao usar mídias sociais, jogar jogos online, interagir com solicitações de informações e até conversar com amigos. Lembre seus filhos - muitas vezes - que informação está correta para compartilhar publicamente e o que sempre fica privado.

Aproveite o tempo para estabelecer limites digitais

Sim, criar uma Política de família digital detalhada é uma tarefa demorada. Definir diretrizes vagas para seus filhos sobre quanto tempo de tela é demais ou qual informação é muito pessoal para compartilhar publicamente é tomar a estrada fácil. Sem limites claros, as crianças não têm como saber quando um comportamento está atravessando uma linha. E você não pode aplicar as consequências sem orientações claras.

Ao invés de escrever uma política inespecífica que diz "Não assista muita televisão", por exemplo, especifique exatamente quantas horas de visualização de televisão podem ocorrer em uma semana. Quando o tempo acabou, o tempo acabou - sem dúvidas - tornando a execução muito mais fácil para os pais.

Aplicar responsabilidade digital

Quando limites claros são estabelecidos, os pais podem pedir às crianças que se responsabilizem. Por exemplo, criar uma regra de que os consoles de jogos podem ser usados ​​apenas nos fins de semana é fácil de lembrar, simples de seguir e fácil de implementar.

Certo, você pode alterar os controles e configurações parentais, mas deixe seus filhos saberem que eles estão no comando de monitorar seu comportamento também. Isso ensina a responsabilidade de seus filhos, mostra que você confia em eles para seguir as diretrizes estabelecidas para sua família e faz de qualquer punição necessária uma conseqüência de suas próprias ações.

Use recursos digitais disponíveis

Não sinta que precisa navegar sozinho no mundo digital! Uma grande variedade de produtos e recursos está disponível para ajudá-lo a criar sua Política de família digital e estabelecer limites seguros para seus filhos nos dispositivos e aplicativos que eles usam. Cada dia, novos recursos aparecem online e nas lojas.

Certifique-se de verificar frequentemente as novas ferramentas e ferramentas de monitoramento e proteção, bem como recursos informativos para orientá-lo através da tecnologia emergente e mudanças nos dispositivos que seus filhos já utilizam.

Comunique-se com seus filhos offline

Muitos pais usam mensagens de texto, mensagens instantâneas e até mesmo plataformas de redes sociais para se comunicar com seus filhos. Certifique-se também de reservar horário para se comunicar com freqüência com seus filhos offline. Certos aspectos da comunicação - expressões faciais e linguagem corporal - não existem ou se traduzem bem em comunicação digital. Para proteger mais facilmente seus filhos on-line, não deixe de se comunicar com eles offline.

Incentive o tempo "desconectado"

A definição de limites para o tempo da tela é um ótimo começo, mas não se esqueça de incentivar o tempo desconectado também. Incentive seus filhos a participar de uma viagem familiar sem um smartphone, MP3 player ou tablet no carro. Experimente um dia livre ou faça um fim de semana inteiro para desconectar e simplesmente aproveitar a vida sem limites.

Faça deste tempo desconectado um tratamento especial ao invés de uma punição.Certifique-se de seguir seus próprios conselhos e desconectar-se também. Informe a seus filhos que está certo experimentar a vida sem documentar cada segundo da on-line.

Junte-se a eles em seu mundo digital

Se você não pode vencê-los, junte-se a eles! Ganhe tempo para aprender a jogar seus videojogos favoritos, amá-los no Facebook e visitar suas plataformas favoritas de jogos sociais. Não só isso lhe dará tempo juntos como uma família, mas você será melhor capaz de entender as armadilhas e os destaques de cada aspecto de suas vidas digitais.